AGETO 19/05/2017 - 17:03 - Erica Lima/Governo do Tocantins

Movimento Maio Amarelo beneficia motoristas da divisa entre Tocantins e a Bahia

Durante as abordagens feitas pelos policiais do BPMRED e pelos técnicos da Ageto foram entregues informativos que alertavam  sobre da manutenção dos faróis acesos nas rodovias. Durante as abordagens feitas pelos policiais do BPMRED e pelos técnicos da Ageto foram entregues informativos que alertavam sobre da manutenção dos faróis acesos nas rodovias. - Thiago Sá / Governo do Tocantins
O material também alerta sobre os riscos do uso do celular ao volante, e do excesso de peso dos caminhões. O material também alerta sobre os riscos do uso do celular ao volante, e do excesso de peso dos caminhões. - Thiago Sá / Governo do Tocantins
Durante as abordagens feitas pelos policiais do BPMRED e pelos técnicos da Ageto foram entregues informativos que alertavam  sobre da manutenção dos faróis acesos nas rodovias. Durante as abordagens feitas pelos policiais do BPMRED e pelos técnicos da Ageto foram entregues informativos que alertavam sobre da manutenção dos faróis acesos nas rodovias. - Thiago Sá / Governo do Tocantins
O Movimento Maio Amarelo é realizado mundialmente e tem como finalidade alertar sobre os riscos de acidentes de trânsito O Movimento Maio Amarelo é realizado mundialmente e tem como finalidade alertar sobre os riscos de acidentes de trânsito - Thiago Sá / Governo do Tocantins

Alertar sobre os riscos existentes nas rodovias e a importância da segurança viária foi a missão da blitz educativa realizada na TO-040, no posto de pesagem da Serra Geral na Divisa entre o Tocantins e a Bahia. O alvo principal da ação que aconteceu durante toda a sexta-feira, 19, foram os motoristas de veículos pesados.

A ação fez parte da programação do Movimento Maio Amarelo e foi realizado pelo Governo do Estado, através da Agência Tocantinense de Transportes e Obras (Ageto) e do Batalhão de Polícia Militar Rodoviário e de Divisas (BPMRED).

De acordo com a representante da Ageto, Fernanda Rosa do Nascimento, o objetivo é conscientizar os motoristas sobre os itens de segurança viária e o respeito às leis de trânsito. “Acidentes de trânsito têm tirado a vida de muitas pessoas e sabemos que só a abordagem educativa é capaz de contribuir com a redução dos índices”, disse.

Durante as abordagens feitas pelos policiais do BPMRED e pelos técnicos da Ageto foram entregues informativos que alertavam sobre a importância e a obrigatoriedade do uso do cinto de segurança e da manutenção dos faróis acesos nas rodovias. Além disso, o material também alerta sobre os riscos do uso do celular ao volante, e do excesso de peso dos caminhões. “Alertar sobre o risco do excesso de peso é um dos nossos objetivos, porque além de danificar o pavimento das rodovias, esse tipo de infração também pode ocasionar acidentes graves”, explicou o técnico da Ageto Hugo Silva Rodrigues.

O motorista Victor Pereira é morador da cidade de Luiz Eduardo Magalhães, na Bahia, mas a propriedade rural que administra fica no Tocantins. Ele é um dos muitos condutores que utilizam a rodovia diariamente e concorda que a imprudência é a principal causa de acidentes nas rodovias. “O motorista tem que estar consciente que suas ações podem colocar em risco a vida de outras pessoas e essa consciência só se consegue com o acesso à informação”, frisou o agropecuarista.

Na profissão há 10 anos, o caminhoneiro Leandro de Souza Brito explicou que já viu muitos acidentes, em sua maioria causados por falha humana. Ele atua em propriedades rurais no Tocantins e na Bahia e ressaltou que a palavra de ordem é prudência. “Não é apenas a nossa vida que está em jogo, tem a vida do próximo, se todos respeitarem as leis e tiverem prudência, com certeza muitas vidas serão poupadas”, alertou.

O Movimento Maio Amarelo é realizado mundialmente e tem como finalidade alertar sobre os riscos de acidentes de trânsito e contribuir com a redução de 50% no número de mortes até 2020.  As ações estão sendo realizadas nas rodovias com maior incidência de acidentes e nos postos de pesagem da Ageto espalhados pelo Tocantins.

A próxima ação será a realização do I Seminário de Segurança Viária, que debaterá soluções para as rodovias tocantinenses. O evento acontece no dia 25 de maio e contará com a presença de especialistas do Tocantins e de outros estados do Brasil.

Compartilhe esta notícia