AGETO 30/10/2017 - 16:06 - Luzinete Bispo/Governo do Tocantins

Iniciados serviços de pavimentação da rodovia entre Paraíso e Chapada de Areia

Início da pavimentação da rodovia que liga Paraíso a Chapada de Areia em execução após a ordem de serviço autorizada pelo Governo Início da pavimentação da rodovia que liga Paraíso a Chapada de Areia em execução após a ordem de serviço autorizada pelo Governo - Ageto / Governo do Tocantins
Início da pavimentação da rodovia que liga Paraíso a Chapada de Areia em execução após a ordem de serviço Início da pavimentação da rodovia que liga Paraíso a Chapada de Areia em execução após a ordem de serviço - Ageto / Governo do Tocantins
Terraplenagem da rodovia em execução no sentido Paraíso a Chapada de Areia Terraplenagem da rodovia em execução no sentido Paraíso a Chapada de Areia - Ageto / Governo do Tocantins
Um dos bueiros tubulares para drenagem de águas pluviais na rodovia Um dos bueiros tubulares para drenagem de águas pluviais na rodovia - Ageto / Governo do Tocantins
Placa Técnica da Obra Placa Técnica da Obra - Ageto / Governo do Tocantins

O Governo do Estado, por meio da Agência Tocantinense de Transportes e Obras (Ageto), deu início às obras de pavimentação asfáltica ligando as cidades de Paraíso do Tocantins a Chapada de Areia, na região do Vale do Araguaia. Os serviços que já estão em execução são de locação topográfica; limpeza do terreno no traçado da rodovia; construção de bueiros tubulares e terraplenagem. A ordem de serviços foi autorizada no último dia 11 de outubro, pelo governador Marcelo Miranda.

Chapada de Areia é um dos poucos municípios tocantinenses que ainda não é ligado a outro por rodovia asfaltada, isso expressa a grande expectativa da pequena população da cidade em torno dessa obra. Os trabalhos de preparação do trecho que liga as duas cidades tiveram início no sentido Paraíso do Tocantins a Chapada. 

O trecho é formado por duas rodovias: TO-444 e TO-447, totalizando 32,23 km de extensão, com investimento no valor R$ 26.460.842,90 milhões. Os recursos são provenientes do Projeto de Desenvolvimento Regional Integrado e Sustentável (PDRIS), na modalidade pavimentação, financiada pelo Banco Mundial. A via será feita com revestimento do tipo Tratamento Superficial Duplo (TSD). Um projeto moderno e arrojado, desenvolvido após estudos de tráfego, ambiental e de viabilidade sócioeconômica.

Depois da assinatura da ordem de serviço a execução da obra tem prazo de 600 dias. A expectativa é que a pavimentação venha beneficiar uma população estimada de 51,4 mil habitantes da região do Vale do Araguaia. A obra está sendo executada pelo Consórcio Chapada de Areia.

Compartilhe esta notícia